Sem querer querendo! Samsung confirma período de lançamento dos Galaxy Note 20 e Fold 2 - Mundialtech

Mundialtech

Assistência técnica de tvs tela fina,Games e Celulares

test banner

Rua vicente de paula lima N:1389 Cep:14150.000 Serrana SP

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Sem querer querendo! Samsung confirma período de lançamento dos Galaxy Note 20 e Fold 2

Share This

Imaginar que a segunda geração do Galaxy Fold 2 e a linha Galaxy Note 20 seriam lançadas no segundo semestre não é, necessariamente, um grande ato de adivinhação. Todos os caminhos levam a imaginar a chegada dos novos celulares da Samsung no início do segundo semestre.
Porém, essa imaginação ganhou ares oficiais há pouco tempo. Isso porque a Samsung acidentalmente confirmou a janela de lançamentos de seus novos celulares top de linha para o início de agosto. As informações estavam presentes nos dados divulgados sobre resultados financeiros da companhia sul-coreana no primeiro trimestre.


Essa informação estava localizada na área de anhos subsequentes da empresa com analistas e investidores. A Samsung reconhece o cenário de incertezas globais por conta da pandemia de coronavírus, mas não demonstra intenção de adiar significativamente sua agenda de lançamentos de smartphones por conta das circunstâncias.
A intenção da Samsung com os próximos lançamentos é elevar o nível no segmento ultra premium. Embora essa seja a pior crise ocasionada por fatores externos desde a fundação da Samsung, a empresa garante que mesmo o cenário de mudanças por conta do coronavírus não impacta tão fortemente sua estabilidade geral a curto prazo.
A informação vinda da Samsung dá mais força aos rumores sobre o lançamento dos dois aparelhos, que devem mesmo chegar em agosto. Ainda não se sabe, contudo, se a empresa optará por eventos separados, chamando toda a atenção para cada um dos celulares, ou se um único evento online será o suficiente para revelar tudo e evitar aglomerações.
Sobre mercado, a Samsung anunciou seus resultados financeiros para o primeiro trimestre. O lucro operacional aumentou 3%, alcançando US$ 5,2 bilhões e a receita aumentou 5,6%, chegando a US$ 45,42 bilhões. Contudo, o lucro líquido caiu 3% quando comparado ao mesmo período do ano passado (US$ 4 bilhões).
Os números estão de acordo com as estimativas, já que a empresa imaginava uma retração do mercado, especialmente em vendas de smartphones e Smart TVs, por conta da pandemia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages